“Diagnóstico, Reparo e Monitoração de Estrutura Portuária com o uso de Ânodos de Sacrifício e Inibidores de Corrosão” foi o tema abordado pelo eng. Thomas Carmona na abertura do SEMPAT/MG - 1º Seminário de Patologia das Construções de Minas Gerais, que aconteceu em 8 de março de 2018, no auditório da Faculdade Newton Paiva, em Belo Horizonte.

Com público bastante significativo, o evento foi promovido pela diretoria regional sudeste da ALCONPAT Brasil (Associação Brasileira de Patologia das Construções), em parceria com a diretoria regional do IBRACON (Instituto Brasileiro do Concreto) e o Instituto IDD.

Renomados profissionais da área da Engenharia Civil apresentaram aos participantes as mais recentes novidades sobre patologia nas estruturas de concreto.

O evento contou com palestras dos engenheiros Jonhson Rigueira (Patologia no concreto: o que pode ser evitado?”), José Eduardo Granato (Prevenção de manifestações patológicas em pisos industriais), Ênio Pazini Figueiredo (Resistividade versus durabilidade das estruturas de concreto), Rodrigo Moyses (Ensaios de tomografia e ultrassonografia no diagnóstico de patologias das estruturas de concreto) e Igor Portella Garcia de Carvalho (Manifestações patológicas nas construções - apresentação de estudos de caso).

2b44b7db-64d8-4fab-ac6b-578adeede1be.jpg
b6c80dce-9adf-41e8-96c2-66af75c3b7c2.jpg